Home » Polícia, Política

Governo intensifica o combate aos táxis “clandestinos” no Norte de Minas

11 novembro 2011 1.286 views 0 Comentários

O Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG), por meio de sua Diretoria de Fiscalização, realizou nesta quinta-feira (10), em Montes Claros, reunião entre empresários do setor de transporte coletivo, sindicatos, Polícia Militar de Minas Gerais, Polícia Civil, Ministério Público, Secretaria de Estado de Fazenda (SEF) e órgãos públicos municipais do Norte de Minas. A finalidade foi traçar ações integradas, intensivas e ostensivas de combate ao transporte irregular de passageiros.

O diretor de Fiscalização do DER/MG, João Afonso Baeta Costa Machado, anunciou que ainda em novembro serão realizadas blitze que envolverão mais de 50 fiscais do órgão nas cidades e rodovias do Norte de Minas. Para que isso ocorra, serão deslocados agentes de Belo Horizonte, Barbacena, Passos, Diamantina, Curvelo, Pirapora, Januária e Janaúba, que atuarão em grupamentos articulados com informações e mapeamentos precisos dos transportadores ilegais. Além da checagem dos procedimentos das operações de combate ao transporte clandestino, foram tratados temas, como a ampliação dos pátios de apreensão de veículos; a realização de ações educativas, destinadas à população, alertando sobre os riscos de se utilizar os meios de deslocamento irregular e a apresentação das iniciativas feitas junto às prefeituras na conscientização do dano causado pelo transporte intermunicipal por táxis.

-Na região Norte há uma verdadeira epidemia de táxis realizando transporte ilegal de passageiros. Eles não estão observando que só podem realizar viagens deslocando as mesmas pessoas na ida e na volta; ou, na viagem de retorno, fazer o percurso vazio, alertou Baeta.

Outro ponto que foi amplamente ressaltado durante a reunião foi o do transporte remunerado realizado por veículos particulares, pois estes ao não serem habilitados a cobrar por qualquer transporte, o condutor pode ser enquadramento por exercício ilegal da profissão. Um ponto comum entre todos os participantes é a conclusão que não se acaba com o transporte clandestino apenas com fiscalização, mas com a conscientização da população que este tipo de deslocamentos irregulares coloca em risco a vida do cidadão ao não oferecer viagens com qualidade e garantias de seguridade.

Baeta afirmou que já foram detectados e apreendidos transportadores clandestinos dirigindo depois de terem efeito uso de bebidas alcóolicas, inabilitados e, mais grave, com vinculo com o contrabando, lavagem de dinheiro e tráfico de drogas.

Já o delegado de Trânsito de Montes Claros, Walter Suzart, informou que a cidade, ainda em novembro, ganhará dois novos pátios para depositar os veículos apreendidos.

-Não podemos permitir que operadores irregulares coloquem em risco a vida das pessoas ao transportá-las em ônibus, veículos de médio e pequeno porte sem manutenção e sem garantias de cumprimento dos serviços contratados.

Fonte: Jornal O Norte
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Use Facebook para comentar esta notícia



Deixe um comentario

Coloque o seu comentário abaixo, ou link de volta a partir do seu site. Pode também subscrever estes comentários via RSS.

ANTES DE ESCREVER SEU COMENTÁRIO, LEMBRE-SE: o site PorteirinhaNoticias.com.br nao publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei ou que não tenham relação com o conteúdo da notícia. Seja cordial. De sua opinião com responsabilidade!

Pode usar estas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Este site usa Gravatares. Para obter o seu proprio avatar-globalmente-reconhecido, por favor registe-se em Gravatar.